Publicado por: Sérgio Peixoto Silva 12/11/2012

Mais um acontecimento trágico envolvendo um anime famoso, que os moralistas e demagogos de plantão com certeza vão utilizar para "provar" que animes e mangás são "perigosos" e só causam "má influência" entre os jovens.


Leonid Hmelev, um garoto de 14 anos de idade, saltou para a morte do topo de um bloco de apartamentos com 30 metros de altura em Chaikovsky, Rússia, depois de ver seu personagem de anime/mangá favorito morrer. O menino teria ficado devastado após ver a morte de Itachi Uchiha no filme "Naruto - Crônicas do Furacão" (Naruto: Hurricane Chronicles). Quando saiu de casa para se matar, postou uma mensagem em um site de rede social dizendo que estava "planejando um final".  A fonte da notícia é o jornal Mail Online, neste link.


Seus pais, preocupados, deram o alarme depois que ele não voltou para casa e uma busca foi organizada em conjunto com os vizinhos. Depois de dois dias, seu corpo foi encontrado em 31 de Outubro, e identificado por seu desolado pai, Ivan, de 38 anos, que disse: "Eu sempre dizia que ele passava muito tempo assistindo TV - ele não sabia mais o que era realidade ou ficção."


Apesar de lamentável, culpar a série Naruto pela morte do rapaz é um exagero e um despropósito,  que não sabemos também como era o estado mental e psicológico do rapaz, pois geralmente as pessoas que tiram a própria vida tem algum transtorno mental, e a própria nota do jornal apresenta os verdadeiros culpados: "A Rússia tem a terceira maior taxa de suicídio entre adolescentes no mundo (22 por 100.000), atrás apenas dos seus vizinhos Belarus e Cazaquistão - ambos ex-membros da antiga União Soviética. O total de mortes anuais é cerca de três vezes maior do que nos Estados Unidos. Psiquiatras e especialistas em saúde na Rússia culpam o abuso de álcool, violência doméstica, regras rígidas e alta expectativa dos pais por boas notas escolares."


Ou seja, para os políticos e a sociedade em geral, é sempre mais fácil e cômodo culpar um desenho animado pelas mortes entre os jovens do que os próprios erros como governantes e como pais. A culpa da morte deste garoto não é, definitivamente,
por causa de Naruto. Mas podem anotar em suas mentes, que esta será mais uma das várias desculpas que os políticos interesseiros, moralistas e religiosos obtusos usarão para tentar impor seu controle sobre o que os jovens gostam de assistir. Fiquemos atentos contra os que desejam estragar nossa diversão.
 

Comentários
10 Comentários
  1. cheguei perto disso na morte do ace ...hehahuehuehauea

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cara a morter de ace foi foda não faz piada disso vlw

      Excluir
  2. Mórbida ironia ...na Uniao Sovietica, os animes são os culpados pela subversão juvenil dos jovens "camaradas". E aqui no Brasil o culpado se chama Call of Duty e GTA...

    Se traçarmos um paralelo (inclusive com a juventude asiatica), notamos que essa nova geração de geeks/otakus está passando dos limites, através de comportamentos maniaco-compulsivos e atitudes bizarras, literalmente estão no limiar entre o mundo real e o mundo do faz-de-conta nérdico. E quem paga o pato são os pais, que nao fazem ideia do que está acontecendo na cabeça oca dessa molecada...

    Fiz parte da 1ª geração de otakus do brasil, e não imaginava que nossos "filhotes" nascidos no final dos anos 90 fossem se tornar esses monstrinhos alienados com o mundo virtual - sabem de cor e salteado o elenco de um anime ou gameplay dum game, mas nao sabem o nome do presidente de seu próprio país, e muito menos escrever seu próprio nome corretamente...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faço minhas suas palavras, camarada. Principalmente na parte

      "Fiz parte da 1ª geração de otakus do brasil, e não imaginava que nossos "filhotes" nascidos no final dos anos 90 fossem se tornar esses monstrinhos alienados com o mundo virtual - sabem de cor e salteado o elenco de um anime ou gameplay dum game, mas nao sabem o nome do presidente de seu próprio país, e muito menos escrever seu próprio nome corretamente..."

      Dá vergonha ver no que essa galerinha de hoje se transformou =/

      Excluir
  3. o moleque parece o John Connor no Exterminador do Futuro 2...
    mas tudo o que eu precisava dizer já foi dito: não é simplesmente um anime X ou Y que vai causar a morte da pessoa, é o nível mental dela.
    claro que existem casos e casos, como qualquer psicólogo vai te dizer, mas se os pais não souberem educar na direção certa, dar atenção, chegar e conversar, com certeza o moleque vai buscar uma pílula azul.

    falando assim eu me lembrei de um capítulo de Yotsuba, que ela assiste um filme policial, pega uma pistolinha de água e sai atirando nas meninas que moram na casa do lado, dizendo que é por "vingança". quando ela chega na Asagi, a arminha fica sem água, aí a Asagi toma a arma, enche de água de novo e taca tudo na Yotsuba. depois ela volta pra casa, e o Jumbo (o grandalhão que é amigo do pai dela) pergunta "como é que foi?" ela responde: "eu morri! ^^" e ele: "viu só como vingança é ruim?"

    então, de um jeito ou de outro, ela acabou recebendo uma lição, e com certeza não vai querer ser uma assassina de verdade quando crescer. na vida real é assim também: basta você saber como educar seu filho, em especial dando carinho e atenção, mas também impondo sua autoridade pra que ele saiba o que é certo ou errado, real ou fictício.

    ResponderExcluir
  4. Barbaridade! E eu... que já assisti até a ROBOCOP de tarde (QUASE SEM CORTES) e nunca fiquei traumatizado. Outra família que deixou um familiar se levar por doença mental. Meu DEUS...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu tinha Robocop em VHS em casa, velho.
      sem cortes, inclusive a cena dos bandidos massacrando o Murphy.
      e eu assisti aquilo com 10, 11 anos de idade.
      fiquei chocado vendo, lógico, mas nunca me deixei influenciar.

      Excluir
  5. Tenso, bora atras das esferas do dragão agr. kkk

    ResponderExcluir
  6. Não foi a primeira e nem será a ultima vez que veremos casos assim~
    Nos games também temos casos similares como aquele rapaz que alguns anos atrás repetiu em um cinema uma cena de GTA (só não lembro qual) no que ele entra no cinema e metralha todo mundo...
    (acho que era gta kkk)

    Bom eu desde cedo joguei games violentos como postal por ex, sempre tive minha liberdade de escolher o que fazer, sei que nem tudo agradava meus pais, mas como pessoa mesmo isso nunca me afetou psicologicamente para fazer más ações ou similares.

    A morte do Itachi foi triste sim, até eu chorei huahua, fiquei com aquele sentimento de dó e tristeza né... nunca tinha visto um personagem assim.
    Mas para esse jovem ai esse fato no anime foi só um motivo fantasioso uma vez que ele já poderia ser vítima de distúrbios mentais~

    ResponderExcluir

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

Animax Magazine© 2014